O que é um dente canino?

mulher sorrindo abraçada ao seu cão

Os caninos são dentes ligeiramente pontudos que estão posicionados ao lado dos dentes incisivos. Os seres humanos os usam para morder e falar, bem como para outras funções importantes.

Por que ele é chamado de dente canino?

Dentes caninos são recebem este nome por sua semelhança com presas de cães. Embora não sejam tão longos, protuberantes ou acentuados quanto os dentes equivalentes no cão, nos humanos eles de fato ocupam a mesma posição e são com frequência mais longos e pontiagudos do que os outros dentes. Os dentistas também os conhecem como presas ou cúspides.

Quando dentes caninos aparecem na boca?

As presas primárias geralmente aparecem depois dos dentes incisivos e dos primeiros molares. De acordo com a Associação Americana de Odontologia, o primeiro dente canino normalmente erupciona no maxilar superior depois que o bebê atinge cerca de 16 meses de idade – aos 23 meses, a maioria dos bebês já tem todos os seus dentes caninos. As crianças começam a trocar as presas primárias entre os 9 e 12 de idade.

Por que precisamos de dentes caninos?

Os dentes caninos desempenham papeis importantes no comer, falar, manter a forma dos lábios e orientar a posição dos outros dentes. Quando você come, os caninos ajudam a cortar e rasgar os alimentos em pedaços pequenos, e quando você fala, eles operam juntamente com os incisivos para ajudar a formar palavras.

Além disso, dentes caninos funcionam como guias para o resto dos dentes. Eles ajudam a guiar os movimentos da mandíbula quando ela se move para os lados.

Dentes caninos e retração de gengiva

O tecido gengival ao redor dos dentes caninos é mais vulnerável à erosão devido à sua posição na boca. De acordo com a Revista de Ortodontia da Dental Press, os dentes incisivos inferiores e caninos superiores são os locais mais comuns de recessão gengival. Quando você escova os dentes, os dentes caninos podem receber mais pressão, porque eles são proeminentes em relação aos dentes incisivos. Para reduzir o risco de retração do tecido da gengiva em torno de seus dentes caninos, escove suavemente com uma escova dental. Ela garante conforto e praticidade na higienização, ajudando a remover a placa bacteriana causadora de problemas periodontais e cárie.

A forma e posição dos dentes caninos os fazem especialmente importantes na estrutura e funções da boca. Se você cuidar das suas presas e tomar cuidado quando você for escovar seus dentes, elas serão úteis por toda a vida.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

Quais são as diferentes partes de um dente?

Cada dente possui diversas partes distintas; a seguir, consta uma VISÃO GERAL de cada parte:

  • Esmalte – É a parte externa e mais dura do dente, que possui o tecido mais mineralizado do corpo. Pode ser danificado pela cárie se os dentes não forem cuidados adequadamente.

  • Dentina – É a camada do dente dentro do esmalte. Se a cárie conseguir passar pelo esmalte, em seguida, ataca a dentina – onde milhões de canais conduzem diretamente a polpa dental.

  • Polpa – É o tecido macio encontrado no centro de todos os dentes, onde o tecido nerval e os vasos sanguíneos estão localizados. Se a cárie dentária atingir a polpa, isso geralmente causa dor e pode necessitar de um procedimento de canal na raiz.