jovem com um lindo sorriso sentada na cadeira do dentista

Periodontite apical: causas, sintomas e tratamento

Um sorriso saudável envolve mais do que apenas dentes fortes e brilhantes. Suas gengivas também desempenham um papel importante na sua saúde bucal, e algumas formas de doenças gengivais podem ser sorrateiras. A periodontite apical, também conhecida como periodontite periapical, nem sempre apresenta sintomas, mas não deve ser ignorada. Saiba mais sobre a periodontite periapical, suas causas, sintomas e tratamentos.

O que causa a periodontite apical?

A periodontite apical se refere à inflamação do periodonto - o tecido que envolve os dentes. Apical significa "relativo ao ápice" de modo que a inflamação geralmente ocorre em torno da ponta - ou ápice - da raiz do dente. Existem dois tipos de periodontite apical:

  • Assintomática. A periodontite apical assintomática não produz quaisquer sinais ou sintomas clínicos. No entanto, a inflamação de longo prazo pode destruir o tecido ao redor dos dentes. Esse tipo de periodontite costuma se desenvolver de forma gradual e contínua, e, por isso, era chamada de periodontite periapical crônica.
  • Sintomática. A periodontite apical sintomática causa dor e desconforto quando uma pessoa morde ou toca na região ao redor dos dentes. Esse tipo de periodontite apical geralmente é aguda, o que significa que surge repentinamente e piora rapidamente. No entanto, ela também pode ser crônica.

O que causa a periodontite apical?

Normalmente, a periodontite apical ocorre em conjunto com outro problema dentário. A inflamação pode ocorrer, por exemplo, quando o paciente apresenta uma cárie não tratada. Em alguns casos, a periodontite apical pode se desenvolver se a polpa do dente infeccionar ou morrer. Lesões ou traumas no dente também podem causar periodontite apical.

Como os sintomas nem sempre aparecem com a periodontite apical, você pode não detectá-la por conta própria. Se sentir dor ou desconforto ao morder ou escovar os dentes, marque uma consulta com o dentista imediatamente. Caso contrário, exames odontológicos regulares permitem que seu dentista observe quaisquer alterações em sua saúde bucal e detecte inflamação assintomática precocemente.

Como a periodontite apical é tratada?

Caso seu dentista note qualquer inflamação nas gengivas, provavelmente o encaminhará a um endodontista. Seu tratamento depende de quais procedimentos já foram realizados e do grau de inflamação. Os tratamentos de periodontite apical podem incluir:

  • Canal radicular. Em alguns casos, um canal radicular pode minimizar a inflamação de suas gengivas removendo bactérias e tecidos infectados da polpa do dente.
  • Apicoectomia. Se a infecção se persistir após o tratamento de canal, pode ser necessário fazer uma apicoectomia. Durante esse procedimento, o endodontista remove a ponta da raiz do dente e o tecido infectado e então sela a ponta da raiz com um filling.

Uma rotina de higiene bucal adequada e visitas regulares ao dentista podem ajudar a proteger suas gengivas da periodontite apical. Caso note alguma dor ou inchaço nas gengivas, marque uma consulta com seu dentista. Eles podem fazer uma consulta aprofundada, avaliar seus sintomas e recomendar as próximas etapas do tratamento.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.