Mulher asiática grávida em um mercado

Gengiva sangrando na gravidez: você deve se preocupar?

Parabéns, você está grávida! Você está prestes a vivenciar o amor como nunca vivenciou antes. Você também vai sentir algumas outras emoções, dores e outros sintomas que nunca sentiu antes. Um sintoma que pode surpreendê-la é o sangramento da gengiva. Se você não estiver esperando que isso aconteça, pode ser um pouco alarmante. Mas a gengiva sangrando na gravidez não é algo com o que se preocupar demais. No entanto, você deve tomar algumas medidas importantes para controlar o sangramento para seu próprio conforto e paz de espírito.

Por que a gengiva sangra durante a gravidez?

A gravidez é uma das cinco etapas na vida de uma mulher em que as mudanças hormonais a tornam mais suscetível a problemas de saúde bucal. A explicação é que quando uma mulher está grávida, os níveis mais altos de progesterona a tornam mais suscetível à gengivite, uma forma leve de doença periodontal causada por bactérias que se acumulam na margem gengival e se transformam em placa bacteriana (uma película macia, pegajosa e incolor). A gengivite na gravidez pode deixar a gengiva sensível e inchada, e é por isso que muitas vezes ela sangra durante escovação e o uso do fio dental.

Que complicações podem surgir da gengivite?

A gengivite não afeta apenas mulheres grávidas. De acordo com as estatísticas publicadas na revista Journal of Dental Research, quase metade dos adultos acima de 30 anos nos Estados Unidos (47,1%, para ser exato) tem alguma forma de doença periodontal. Se não for tratada, a gengivite pode evoluir para periodontite. Essa forma mais grave de doença periodontal pode fazer com que os dentes fiquem moles ou até mesmo caiam. As doenças periodontais em mulheres grávidas são fatores de risco para resultados adversos da gravidez, como por exemplo:

  • Parto prematuro
  • Restrição do crescimento fetal
  • Baixo peso ao nascer
  • Pré-eclâmpsia
  • Diabetes gestacional

Por isso, é importante ter bons hábitos de higiene bucal e ir ao dentista regularmente durante a gravidez. Ligue para o dentista e pergunte quantas consultas ele recomenda para suas necessidades individuais.

O que você pode fazer se sua gengiva estiver sangrando durante a gravidez?

Cuidados bucais adequados antes, durante e depois da gravidez ajudarão a prevenir esses problemas e a manter seu bebê o mais saudável possível enquanto ele estiver na barriga e após o parto.

  • Use uma escova de dentes de cerdas macias.
  • Escove os dentes pelo menos três vezes ao dia.
  • Não se esqueça de escovar a língua.
  • Limpe entre os dentes com fio dental, irrigador dental ou escova interdental.
  • Use um enxaguante bucal antimicrobiano.
  • Use um raspador de língua.
  • Consulte o dentista.

O dentista pode monitorar a saúde de seus dentes e gengiva para identificar qualquer problema, inclusive gengivite, e pode dar dicas e orientações para minimizar o sangramento. Se você notar muito sangue na escova de dentes ou quando cuspir, ligue para o dentista e informe-o. Ele provavelmente agendará uma consulta como precaução para garantir que você não tenha um problema mais grave.

Se você tiver sintomas de gengivite durante a gravidez, não se preocupe; na verdade, isso é bastante comum. Basta tomar as medidas necessárias para mantê-la sob controle e manter contato com o dentista. Juntos, vocês poderão discutir as melhores opções que se adaptam especificamente às suas necessidades e você poderá se sentir confiante que seu bebê será saudável e que o futuro da sua saúde bucal fará você sorrir.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.