Pai e filho usando óculos e mostrando a língua tirando uma selfie

O que é papilite lingual transitória?

Se você tiver pequenas bolinhas vermelhas, amarelas ou brancas doloridas na superfície da língua, talvez você esteja com uma inflamação chamada papilite lingual transitória. Aparentemente, essas bolinhas aparecem sem explicação e podem ser preocupantes se você não souber o que são. Então, até que ponto você deve se preocupar com esse problema? Vamos dizer algumas verdades sobre papilite lingual transitória para que você faça o que é necessário para manter um nível de saúde bucal que o faça sorrir.

O que é papilite lingual transitória?

A papilite lingual transitória é um problema comum e, nos Estados Unidos, recebe o nome de "lie bumps" (inchaços da mentira), com base na crença de que mentir causaria as lesões. É um mito divertido, mas ironicamente não é verdade. O verdadeiro nome, papilite lingual transitória, esclarece melhor de que realmente se trata esse problema. Transiente significa temporário. Lingual significa que afeta a língua. E papilite significa inflamação das papilas (pequenas saliências formadas por células da mucosa que compõem a superfície da língua, de acordo com um artigo no site InformedHealth.org).

Existem quatro tipos diferentes de papilas, cada um com sua própria função:

  • Filiformes
    • O tipo mais comum de papilas e o único que não contém botões gustativos.
  • Fungiformes
    • Localizadas na ponta da língua, essas papilas têm o formato de cogumelo e contêm botões gustativos e células sensoriais.
  • Foliáceas
    • Essas papilas em forma de folha estão localizadas nas laterais da língua e também contêm botões gustativos.
  • Circunvaladas
    • Essas papilas em forma de v são as maiores, estão localizadas na parte de trás da língua e contêm botões gustativos.

Quais são os sintomas da papilite lingual transitória?

Algumas pessoas acreditam que os inchaços causados pela papilite lingual transitória são como uma espinha na língua. Esses inchaços podem causar um pouco de dor e dificultar a alimentação, principalmente se você estiver comendo alimentos ácidos ou azedos. Você pode ter uma ou várias bolinhas que causam uma sensação de queimadura ou formigamento. Podem até mesmo causar secura na boca e alterar o paladar, mas tendem a desaparecer sem mais problemas na maioria dos casos, apesar de todo o possível desconforto.

Quais são as causas da papilite lingual transitória?

Não se sabe a origem da papilite lingual transitória, mas acredita-se que lesões na língua e a irritação recorrente costumam ser a causa.

Entre outros fatores de risco, podemos citar:

  • Estresse
  • Falta de sono
  • Má nutrição
  • Consumo de alimentos azedos ou ácidos
  • Tabagismo

Vários problemas de saúde também são fatores de risco potenciais, como por exemplo:

Devo consultar um profissional de odontologia?

Se você tiver inchaços ou feridas na língua que não cicatrizam após vários dias e estiver preocupado com isso, talvez seja bom ir ao dentista – principalmente se os inchaços causarem dor e dificultarem a alimentação. Isso pode significar uma doença mais grave.

Como se livrar da papilite lingual transitória?

Na maioria dos casos, não é necessário nenhum tratamento. Normalmente, o quadro melhora de forma espontânea. Se você estiver sentindo muita dor, o dentista pode recomendar algo para aliviá-la. A melhor coisa a fazer se você tiver um ou mais inchaços:

  • Evitar a irritação da língua.
  • Eliminar alimentos condimentados.
  • Não comer alimentos azedos.
  • Usar produtos hidratantes bucais se a boca seca for um problema.

Como prevenir a papilite lingual transitória

Tenha bons hábitos de higiene bucal para ajudar a prevenir a papilite lingual transitória. Escove os dentes pelo menos duas vezes ao dia e não se esqueça de escovar a língua. Experimente usar outros produtos úteis, como um enxaguante bucal antimicrobiano e um raspador de língua. E não deixe de marcar consultas regulares com o dentista. Dentes e restaurações com bordas afiadas podem causar papilite lingual transitória, e o dentista pode repará-los facilmente.

Conheça alguns fatos interessantes sobre a língua humana para ter um cuidado bucal completo.

Agora que você sabe que a papilite lingual transitória tende a desaparecer por conta própria, esperamos que você esteja mais tranquilo quanto ao seu problema. E embora possa não haver uma causa definitiva para a papilite lingual transitória, você pode ter certeza que, ao manter bons hábitos de higiene bucal, é possível evitar muitos problemas indesejáveis – e isso não é mentira.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.