FDA Aconselha Consumidores A Usar Acetaminofeno/ Paracetamol Sempre Conforme As Instruções

A agência americana que regula fármacos quer que os consumidores saibam que tomar uma dose de acetaminofeno/ paracetamol maior do que a recomendada pode potencialmente causar sérios danos ao fígado ou mesmo morte.

Dentistas, rotineiramente, tratam de dor aguda dos pacientes. Em alguns casos, eles recomendam que os pacientes comecem a usar o acetaminofeno/ paracetamol vendido sem prescrição antes da consulta para o tratamento.

Acetaminofeno/ paracetamol é o nome genérico do ingrediente ativo de produtos vendidos sem prescrição como o Tylenol e de medicamentos vendidos com prescrição como o Vicodin e Percocet. O ingrediente é encontrado em mais de 600 remédios para alívio da dor e febre, gripes e resfriados, alergia e auxiliares do sono vendidos com ou sem prescrição, segundo a FDA.

Quando usado conforme as orientações, o medicamento é seguro e eficaz, mas "tomar ainda que só um pouquinho a mais do que o prescrito, ou usar mais do que um remédio que contenha acetaminofeno" pode ser fatal.

A FDA alerta os pacientes a sempre seguir as orientações do médico e também as orientações na bula do medicamento ao usar produtos contendo acetaminofeno/ paracetamol. É especialmente importante que os pacientes falem com o médico se beberem álcool regularmente ou tiverem sido diagnosticados com doença hepática. A agência também aconselha os pacientes que tomam warfarina – medicamento que afina o sangue – a discutir a ingestão de acetaminofeno/ paracetamol com um médico porque a combinação pode elevar o risco de hemorragia.

Ao dar esse medicamento para crianças, a FDA recomenda que os pais:

  • Verifiquem os ingredientes ativos em todos os outros medicamentos que a criança estiver tomando.
  • Leiam as informações fornecidas pelo médico da criança e também as informações na bula e sigam as instruções.
  • Escolham o medicamento correto com base no peso e idade da criança para determinar se o medicamento está certo para seu filho, qual a quantidade a dar, qual o intervalo de horas entre as doses e quando parar de dar o acetaminofeno/ paracetamol e procurar a ajuda de um médico. Se a dose apropriada ao peso ou idade de seu filho não estiver listada na bula ou você não souber o quanto dar, pergunte ao farmacêutico ou médico o que fazer.
  • Não use uma colher porque você pode dar a quantidade errada. Use o dosador que vem com o medicamento para obter a dose exata. Se não houver dosador, pergunte ao farmacêutico.
  • Nunca dê mais de um medicamento que contenha acetaminofeno/ paracetamol. Se você der mais, poderá prejudicar seu filho.

Caso o medicamento não alivie a dor ou a febre em crianças ou adultos, a FDA recomenda com veemência que os pacientes não tomem mais acetaminofeno/ paracetamol e conversem com um médico, enfermeiro ou farmacêutico.

© 2018 Associação Dental Americana. Todos os direitos reservados. Probida qualquer reprodução ou redistribuição sem permissão prévia por escrito da Associação Dental Americana.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

Doenças comuns durante a FASE ADULTA

Conforme ficamos mais velho, os cuidados dentais para os adultos são mais cruciais. A seguir, encontram-se algumas doenças para se estar atento:

Gengivite – Se suas rotinas caseiras de cuidados de escovação e utilização do fio dental tiveram um deslize e você não fez limpezas dentais regulares, a placa bacteriana e o tártaro podem se acumular em seus dentes. A placa e o tártaro, se não forem tratados, podem, eventualmente, causar danos irreparáveis à mandíbula e a estruturas de suporte, e podem causar perda dos dentes.

Câncer bucal – De acordo com o National Institute of Dental and Craniofacial Research, homens na idade de 40 anos possuem o maior risco de câncer bucal. Aproximadamente 43.000 pessoas serão diagnosticadas com câncer na boca, língua, área da garganta, e a ACS estima que cerca de 7.000 pessoas morrerão devido a esses cânceres. A utilização de produtos de tabaco e álcool aumenta o risco de câncer bucal. A maioria dos cânceres bucais é diagnosticada pelo dentista durante o exame geral de rotina 1

Quebra de preenchimentos dentais – Os preenchimentos possuem expectativa de oito a dez anos. Entretanto, eles podem durar 20 anos ou mais. Quando o preenchimento em sua boca começa a quebrar, alimentos e bactérias podem entrar embaixo e podem causar cárie profunda no dente.

Mantenha seus dentes limpos com uma rotina de saúde bucal.

Estabelecer uma rotina de saúde bucal é importante para uma boca saudável. Experimente um de nossos produtos de saúde bucal.