Enxaguante bucal com digluconato de clorexidina: O que é?

amigos tomando café

Se você já tem o costume de usar um enxaguante bucal, mas agora o dentista sugeriu que você faça um bochecho com um produto cujo nome você dificilmente consegue pronunciar, pode haver uma boa razão. Um enxaguante bucal com gluconato de clorexidina é um enxaguatório com antimicrobiano frequentemente usado para tratar estágios iniciais de afecções na gengiva.

Enxaguante bucal com gluconato de clorexidina: Genérico x Produto de marca

Digluconato de clorexidina a 0,12% é o nome genérico para um enxaguante bucal que possui capacidade de reduzir a quantidade de bactérias em sua boca. No entanto, existem marcas mais fáceis de pronunciar disponíveis, tais como Periogard da Colgate, um enxaguante bucal antimicrobiano que deve ser usado sob recomendação do seu dentista, o qual ajuda a tratar a gengivite, mata bactérias e assim ajuda a promover a cicatrização da gengiva inflamada.

Sintomas de gengivite

Vermelhidão, inchaço ou sangramento na gengiva, acompanhados de hálito desagradável são sinais de gengivite. Na grande maioria dos casos, a doença da gengiva começa quando a placa bacteriana – uma película pegajosa incolor que adere ao dente, e é formada principalmente por bactérias – fica acumuladas, principalmente entre o dente e a gengiva, conforme observa a Associação Brasileira de Odontologia (ABO).

Quando a placa bacteriana fica acumulada ao longo da linha da gengiva sem ser removida, o tecido gengival em breve torna-se irritado e inflamado. No entanto, a boa notícia é que a gengivite é reversível!

Tratamento de gengivite

Qualquer sintoma de gengivite é um sinal de alerta que para melhorar o cuidado com sua saúde bucal. A melhor maneira de combater e reverter esta condição é por meio de uma rotina meticulosa de cuidados em casa.

Certifique-se de escovar os dentes duas vezes por dia com creme dental fluoretado, como Colgate® Total 12 Saúde Visível, que ajuda a manter a sensação de limpeza de consultório de dentista com micropartículas limpadoras para uma limpeza avançada. Você também deve escovar cuidadosamente ao redor da linha da gengiva, onde as bactérias gostam de esconder. E se a sua escova de dentes está mostrando sinais de desgaste, jogue-a para fora e adquira uma nova. Escovas de dentes velhas alojam bactérias e não limpam bem. O uso diário do fio dental também é essencial para remover alimentos e tirar placa bacteriana dentre os dentes.

Se você ainda estiver lidando com sangramento nas gengivas ou tiver problemas com mau hálito, pode ser necessário consultar o seu dentista para uma limpeza profissional alinhada com algum outro possível tratamento para reverter o progresso da doença. Caso sua gengiva não responda suficientemente bem ao tratamento, ou se você tiver uma condição médica como diabetes que interfere na cicatrização, ele ou ela pode receitar o enxaguante bucal com gluconato de clorexidina para ser usado como parte de sua rotina de cuidados em casa.

Por que usar o enxaguante bucal com digluconato de clorexidina?

Usar o enxaguante bucal com digluconato de clorexidina conforme o indicado reduz a quantidade de bactérias nocivas e a quantidade de placa bacteriana em sua boca – dando ao seu tecido gengival a chance de cicatrizar e voltar ao estado normal e saudável.

Embora este seja um medicamento seguro e eficaz para o tratamento da gengivite, existem algumas contraindicações, tais como a sensibilidade ao digluconato de clorexidina ou a qualquer um dos outros ingredientes do enxaguante bucal, de acordo com o National Institutes of Health. Além disso, ele não é indicado e nem deve ser administrado para menores de 18 anos. Você também não deve compartilhar este produto com outros membros da família sem consultar o seu dentista. Mesmo que a outra pessoa esteja tratando algum problema de gengiva, pode não ser do mesmo tipo que o seu. E claro, sempre informe seu dentista se você estiver grávida ou amamentando antes de começar a usar esse enxaguante bucal.

Efeitos colaterais do enxaguante bucal com digluconato de clorexidina

Como com qualquer medicação, você deve seguir cuidadosamente as instruções do seu dentista sobre como e quando usar o enxaguante bucal com gluconato de clorexidina. E, se ocorrerem quaisquer efeitos secundários adversos, informe seu dentista imediatamente. É comum aparecerem manchas em seus dentes, língua ou restaurações, devido ao uso do produto. Embora a mancha possa ser facilmente removida do esmalte do dente durante uma limpeza no consultório profissional, se você possui muitas restaurações brancas antigas, seu dentista pode não recomendar o uso deste tipo de enxaguante bucal. Além disso, pode haver um aumento na formação de tártaro, e na ocasião, mudanças na percepção de sabor, de acordo com o National Institutes of Health.

Não há sombra de dúvida que a melhor maneira de evitar a doença é ter um bom cuidado dos dentes em casa e fazer visitas regulares ao dentista. Mas se acontecer de você ter um caso persistente de gengivite, um enxaguante bucal com gluconato de clorexidina pode ser a única coisa que seu dentista vai indicar para trazer a cor rosa de volta às suas gengivas.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

Formas de prevenção para GENGIVITE:

  • Escovar os dentes e passar o fio dental de forma adequada

  • Utilização de cremes dentais e enxaguante bucal com agentes antimicrobianos para eliminação de bactérias

  • Visitas regulares ao dentista para limpezas e exames

A forma simples de ajudar a prevenir a doença periodontal

A doença periodontal é causada quando a placa não é removida na escovação ou no uso do fio dental diariamente. Experimente uma de nossos cremes dentais feitao para reduzir novo crescimento de placa e ajudar a prevenir a ocorrência de doença periodontal.