Língua amarela: sintomas, causas e tratamento

Um médico examina a língua de um homem com higiene oral deficient

Por inúmeras razões, o corpo humano é extraordinário. Quando algo está errado, ele nos envia sinais para nos alertar. Um tornozelo torcido pode inchar até ficar do tamanho de uma laranja. Um possível problema dentário pode se revelar na próxima vez que você tomar uma bebida gelada. Mas e se você se olhar no espelho e descobrir que sua língua está amarela?

Por que minha língua está amarela?

Uma língua saudável normalmente é rosada; por essa razão, se alguma parte da sua língua estiver com uma coloração diferente, é sinal de algo pode não estar muito bem. Na maioria dos casos, porém, a coloração amarelada na língua não é nada a temer, de acordo com a Mayo Clinic. Em geral, ela resulta da má higiene bucal, pois os alimentos e as bactérias podem se acumular nas papilas da língua. Se as papilas ficarem maiores, as bactérias presentes na boca podem gerar pigmentos coloridos.

Sintomas e causas da língua amarela

Além da má higiene bucal, outras causas possíveis são:

  • Boca seca/respiração bucal. A boca seca ocorre quando não há uma quantidade adequada de saliva na boca para eliminar as bactérias. Respirar pela boca ao dormir também pode contribuir para a boca seca.
  • Língua geográfica. Ocorre quando a língua perde parte das papilas.
  • Língua pilosa negra. Ocorre quando as papilas na ponta e nas laterais da língua crescem, favorecendo o acúmulo de alimentos e partículas de bactérias. A língua acaba ficando preta, mas pode parecer amarelada no início, de acordo com a Universidade de Colúmbia.
  • Bismuto. Qualquer medicamento que contenha bismuto pode alterar a cor da língua.

 

Icterícia

 

Uma camada amarela na língua também pode ser um sinal de icterícia ou de excesso bilirrubina no organismo, como observa o National Institutes of Health. A icterícia é uma doença bastante comum em recém-nascidos, mas os adultos também são suscetíveis a ela. Pode ser o sinal de um problema grave, como doença hepática, doença sanguínea ou bloqueio de um ducto biliar. Se você acha que está com icterícia, consulte o médico.

 

Tratamentos para a língua amarela

A Mayo Clinic recomenda escovar a língua uma vez ao dia com uma solução de uma parte de peróxido de hidrogênio e cinco partes de água. Além disso, beba muita água diariamente para evitar a desidratação. Inclua muitas frutas e verduras em sua dieta. Esses alimentos ricos em fibras ajudam a eliminar o acúmulo de bactérias na língua. Por fim, abandone o hábito de fumar. Entre em contato com o médico se algum desses tratamentos aparentemente não estiver funcionando depois de uma semana.

Um regime de cuidados bucais adequado inclui escovar os dentes pelo menos duas vezes ao dia e complementar com o uso do fio dental. Mantenha os dentes sempre limpos, mas não se esqueça de cuidar da sua língua também. Experimente usar uma escova dental com limpador de língua e bochechas para remover as bactérias e manter a boca saudável.

 

 

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS

Doenças comuns durante a FASE ADULTA

Conforme ficamos mais velho, os cuidados dentais para os adultos são mais cruciais. A seguir, encontram-se algumas doenças para se estar atento:

Gengivite – Se suas rotinas caseiras de cuidados de escovação e utilização do fio dental tiveram um deslize e você não fez limpezas dentais regulares, a placa bacteriana e o tártaro podem se acumular em seus dentes. A placa e o tártaro, se não forem tratados, podem, eventualmente, causar danos irreparáveis à mandíbula e a estruturas de suporte, e podem causar perda dos dentes.

Câncer bucal – De acordo com o National Institute of Dental and Craniofacial Research, homens na idade de 40 anos possuem o maior risco de câncer bucal. Aproximadamente 43.000 pessoas serão diagnosticadas com câncer na boca, língua, área da garganta, e a ACS estima que cerca de 7.000 pessoas morrerão devido a esses cânceres. A utilização de produtos de tabaco e álcool aumenta o risco de câncer bucal. A maioria dos cânceres bucais é diagnosticada pelo dentista durante o exame geral de rotina 1

Quebra de preenchimentos dentais – Os preenchimentos possuem expectativa de oito a dez anos. Entretanto, eles podem durar 20 anos ou mais. Quando o preenchimento em sua boca começa a quebrar, alimentos e bactérias podem entrar embaixo e podem causar cárie profunda no dente.

Mantenha seus dentes limpos com uma rotina de saúde bucal.

Estabelecer uma rotina de saúde bucal é importante para uma boca saudável. Experimente um de nossos produtos de saúde bucal.