Quando nasce o primeiro dente dos bebês?

Como pai ou mãe de primeira viagem, você provavelmente tem muitas perguntas sobre o que esperar do seu filho. Quando seu bebê começa a dar os primeiros sinais de dentição, a maior dúvida em sua cabeça provavelmente será: "Quando nasce o primeiro dente dos bebês?". O processo de dentição é diferente para cada criança, mas você deve ter em mente algumas informações.

Sinais da dentição

Para alguns bebês, a dentição é um processo rápido e fácil, mas para outros não. Os sinais de dentição podem durar semanas antes do dente realmente emergir, mas para alguns sortudos, pode não haver nenhum sinal. Cada criança é diferente, mas há alguns sinais típicos a ser observados que indicam que seu pequeno está se preparando para o surgimento do primeiro dente. De acordo com a Mayo Clinic, os sintomas da dentição incluem babar, morder objetos, irritabilidade ou mau humor e dor e sensibilidade na gengiva.

O bebê também pode acordar ou ficar agitado durante a noite e apresentar mudanças nos hábitos alimentares ou das mamadas. Por exemplo, um bebê que já costumava dormir a noite inteira pode de repente acordar durante a noite e querer mamar em busca de conforto. Os sintomas da dentição podem continuar ao longo de todo esse processo, até que a criança tenha o conjunto total de dentes de leite.

Quando nasce o primeiro dente dos bebês?

Na maioria dos bebês, o primeiro dente começa a surgir a qualquer momento entre 3 e 9 meses de idade, mas essa idade pode variar muito; por isso, não se preocupe se o dente do seu bebê começar a nascer mais cedo ou mais tarde. Os dentes dos bebês costumam nascer em pares e os primeiros a surgir são os incisivos centrais inferiores. Os dentes inferiores serão seguidos pelos incisivos centrais superiores, incisivos laterais inferiores e superiores, primeiros molares, caninos e segundos molares. A maioria das crianças terá o conjunto completo de dentes de leite até os 3 anos de idade.

Como aliviar a dor na gengiva durante a dentição do bebê

Embora a dentição possa ser um processo longo e difícil, existem várias coisas que você pode fazer para aliviar a dor causada por esse processo. A maioria dos bebês costuma morder qualquer coisa que encontra para aliviar a dor na gengiva. Deixe vários brinquedos macios e de pano e mordedores de borracha à mão para que o bebê possa aliviar essa vontade de morder tudo. Objetos frios também ajudarão a reduzir a necessidade de morder e irão amenizar a dor ao mesmo tempo. Ofereça ao bebê anéis de dentição ou panos frios e mordedores de malha com alimentos resfriados dentro. Você também pode aliviar a dor do seu pequeno massageando a gengiva dolorida. Use um dedo limpo para esfregar e aplicar uma pressão suave ao longo da gengiva.

Início dos cuidados bucais

Mesmo antes do primeiro dente começar a nascer, você pode acostumar seu bebê com a ideia de higiene bucal, limpando sua gengiva com uma gaze. Após a erupção do primeiro dente, você pode usar uma escova dental pequena de cerdas macias para limpar o dente e a gengiva. Desenvolver uma rotina regular de escovação não é importante apenas para manter o sorriso do bebê saudável, mas também para acostumá-lo com o cuidado diário desde cedo.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

Principais dicas de bons cuidados bucais durante a INFÂNCIA

Veja algumas formas fáceis de cuidar dos dentes e gengiva do seu bebê:

  • Antes da erupção dos dentes, limpe a gengiva de seu bebê esfregando um pano limpo e úmido sobre as gengivas superiores e inferiores do bebê.

  • Quando seu bebê tiver dentes, inicie escovando seus dentes no mínimo duas ou três vezes por dia com uma escova de cerdas macias e água.