Sintomas da erupção da dentição infantil

menina sorrindo com os primeiros dentes de leite

Chega um momento na vida de todo bebê em que o primeiro dentinho começa a aparecer na gengiva; esse processo é chamado dentição. Embora este possa ser um momento dolorido para você e seu filho, saber os sintomas de dente nascendo em bebê pode ajudar você a lidar e superar vários sintomas da dentição infantil – que pode começar desde muito cedo, a partir dos três meses.


Você provavelmente vai começar a ver o primeiro dente irromper quando o seu bebê estiver entre os quatro e os sete meses de idade, e cada criança pode passar por isso de forma diferente. Em alguns casos, o dente pode nascer sem que os pais percebam. Já em outros, a criança pode ficar irritada, chorar ou acordar com mais frequência. Os pais muitas vezes notam que o filho começa a "babar mais" ou a querer "colocar tudo na boca" durante esta fase.

Os sintomas da dentição
Alguns bebês podem ficar mais agitados do que o normal quando eles começam a passar pelo processo de dentição, muitas vezes por causa da dor e inchaço na gengiva comum antes de um dente erupcionar. Estes sintomas geralmente começam aproximadamente três a cinco dias antes do dente aparecer, e os sintomas desaparecem assim que o dente irrompe. Os dentes da frente são os primeiros a começar a erupcionar quando o bebê tem em torno de quatro a sete meses; os dentes de trás entram em erupção entre 18 e 24 meses. A dentição só termina depois que os 20 dentes primários estiverem posicionados, o que significa em torno de dois a três anos de idade.
Outros sintomas de dentição infantil incluem:
- Baba;
- Inchaço e sensibilidade na gengiva;
- Comportamento de morder;
- Recusar alimento;
- Problemas para dormir.

Dicas para lidar com a dentição
Dê objetos frios para seu filho morder: Um pano (enrolado) congelado ou anéis de dentição são escolhas populares entre os pais. Certifique-se que esses anéis sejam seguros, pois sabe-se que alguns deles contém líquidos pouco higiênicos.
Mantenha as gengivas limpas, enxugando-as com gaze após cada refeição e massageie-as com seus dedos ou uma escova dental suave. Se você estiver inclinado a usar um analgésico de farmácia, aplique-o como prescrito e em doses apropriadas para a idade de seu filho.

Cuidando dos primeiros dentes do bebê
Mantenha limpa a boca em desenvolvimento de seu bebê ao passar uma toalhinha úmida na gengiva diariamente. Esta toalhinha pode prevenir que bactérias se acumulem na boca dele, especialmente se ele continua a morder brinquedos e outros itens domésticos. Quando os primeiros dentes de leite aparecerem, troque por uma escova dental pequena de cerdas macias.

Você pode começar a usar creme dental com flúor assim que a criança aprender a cuspir, por volta da idade de dois a três anos. A esta altura, a maioria dos dentes decíduos já terá nascido na boca da criança. Certifique-se de usar apenas um pouquinho de creme dental com flúor durante a escovação.

É importante escovar a boca de seu filho pelo menos duas vezes por dia, da forma que você faria consigo mesmo.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

Principais dicas de bons cuidados bucais durante a INFÂNCIA

Veja algumas formas fáceis de cuidar dos dentes e gengiva do seu bebê:

  • Antes da erupção dos dentes, limpe a gengiva de seu bebê esfregando um pano limpo e úmido sobre as gengivas superiores e inferiores do bebê.

  • Quando seu bebê tiver dentes, inicie escovando seus dentes no mínimo duas ou três vezes por dia com uma escova de cerdas macias e água.