Herpangina: o que é, sintomas e tratamento

Pai está penteando sua filha

Você pode não estar familiarizado com o termo herpangina, mas provavelmente conhece alguém que já teve esse problema comum. Essa infecção, que causa lesões dolorosas parecidas com bolhas no fundo da garganta, ocorre com maior frequência em crianças entre 3 e 10 anos de idade, explica o Stanford Children's Health.

Sintomas

Essa doença é causada por um vírus e apresenta sintomas comuns, como dor de garganta e recusa a alimentos ou bebidas por causa da presença de pequenas bolhas e úlceras dolorosas localizcolgaadas na parte de trás da garganta. Também pode ser acompanhada por febre alta, dor de cabeça, inchaço dos linfonodos, dor no pescoço, vômitos e cansaço geral.

A doença mão-pé-boca (HFMD, sigla em inglês) é outra doença infantil parecida com a herpangina. Ambas são infecções causadas por enterovírus e podem causar febre e perda de apetite. Na HFMD, as lesões geralmente estão localizadas mais próximas da parte da frente da boca, enquanto as lesões da herpangina estão localizadas no palato mole, amígdalas e garganta. Uma criança com HFMD também costuma ter lesões nas mãos, pés e, às vezes, nas nádegas.

Como é transmitida?

De acordo com o StatPearls, a herpangina é frequentemente transmitida em creches e escolas. É mais comum no verão e no outono, mas pode ocorrer durante todo o ano. Pode ser transmitida através de gotículas respiratórias ou saliva de um paciente doente (provavelmente por tosse e espirro) ou pelo contato com as fezes de um paciente infectado. Essa doença é altamente contagiosa, pois esse tipo de vírus pode sobreviver fora do organismo por longos períodos de tempo.

Os sinais da infecção geralmente aparecem três a cinco dias após a exposição. Os indivíduos afetados são mais contagiosos nas duas primeiras semanas de infecção, mesmo quando não apresentam sintomas. Os adultos podem contrair o vírus de seus filhos, embora muitos adultos tenham imunidade acumulada desde a infância.

Como as crianças tocam em muitas superfícies e podem não ter uma higiene pessoal ideal, pode ser difícil impedir a propagação da doença. Lave sempre as mãos cuidadosamente e desinfete superfícies, como maçanetas e brinquedos.

Tratamento

Uma consulta médica pode confirmar o diagnóstico de herpangina. Como não é possível eliminar o vírus com antibióticos, o objetivo do tratamento é dar à pessoa o maior alívio possível até que as lesões cicatrizem. A infecção geralmente desaparece espontaneamente no período de 7 a 10 dias. Tomar analgésicos pode ajudar a aliviar a dor na garganta e na boca, além de reduzir a febre. Também é importante manter a pessoa afetada hidratada, pois talvez ela esteja bebendo pouco líquido por causa das úlceras dolorosas. Alimentos como leite e sorvete podem ser mais fáceis de consumir.

Se a criança tiver febre alta persistente ou sinais de desidratação, é essencial procurar atendimento médico imediatamente. O médico pode ajudá-lo a determinar as melhores opções de tratamento.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS