Você Sabe O Que É Bruxismo?

Homem adormecido

O que é?

Bruxismo é percebido principalmente quando você aperta ou range os seus próprios dentes. A maioria das pessoas não chegam a ser conscientes de que fazem isso. Nos Estados Unidos, o bruxismo afeta cerca de 30 a 40 milhões de adultos e crianças.

Algumas pessoas rangem os seus dentes somente durante o sono. Isso é chamado de "bruxismo noturno" ou "bruxismo relacionado ao sono". Outras pessoas rangem ou apertam os seus dentes uns contra os outros também durante o dia. Acredita-se que isso está relacionado ao estresse ou à ansiedade. Estresse pode ocorrer por várias razões, inclusive por tristeza ou acontecimentos dolorosos como a morte de uma pessoa amada ou a perda de um emprego. Também pode ocorrer por acontecimentos alegres, como um novo emprego ou o nascimento de um bebê, por exemplo.

O bruxismo pode ter uma série de causas. Pode ser resultado de uma reação do corpo quando os dentes não estão alinhados ou não se fecham corretamente. O bruxismo também pode ser sintoma de algumas doenças raras de nervos e músculos da face. Em casos raros, o bruxismo pode ser um efeito colateral de alguns remédios para depressão, dentre eles o Prozac (fluoxetina), o Zoloft (sertralina) e o Paxil (paroxetina).

Pessoas com bruxismo severo podem fraturar restaurações dentais ou danificar os seus dentes. Ranger os dentes pode ocasionar o desgaste do esmalte dental, expondo a dentina e resultando em sensibilidade no dente. O bruxismo severo também pode ser causa de:

  • Disfunção da mandíbula, conhecido como disfunção temporomandibular (DTM)
  • Dor de cabeça pela manhã ao acordar
  • Dores faciais inexplicadas

Sintomas

Você pode sofrer de bruxismo se você tiver algum dos sintomas a seguir:

  • Contrações dos músculos mandibulares
  • Barulho ao ranger os dentes durante a noite, o qual pode acabar atrapalhando o sono de alguém que divide o quarto com você
  • Dor de cabeça logo pela manhã
  • Músculos mandibulares tensos ou doloridos – certo desconforto, ou até mesmo dor, para você abrir a boca completamente, especialmente pela manhã
  • Dores faciais prolongadas
  • Dentes danificados, obturações dentárias quebradas e gengiva inflamada
  • Dor na articulação da mandíbula (articulação temporomandibular)

Inchaço (eventual) na mandíbula do lado em que aperta os dentes. Apertar os dentes de maneira crônica exercita os músculos mandibulares, causando um aumento muscular. Assim como quando se levanta peso, isso faz com que os músculos cresçam. Uma vez que você parar de apertar os dentes, os músculos vão encolher, e o inchaço vai desaparecer.

Diagnóstico

Se você tem tido algum desses sinais e sintomas, consulte o seu dentista. Ele ou ela pode determinar se você sofre de bruxismo e como melhor tratá-lo.

O seu dentista vai perguntar sobre a sua saúde dental, que fontes de estresse você tem na vida e que remédios você tem tomado. Se você divide o quarto com alguém ou tem um cônjuge, o dentista pode também querer conversar com essa pessoa. O dentista vai questionar sobre os seus hábitos de dormir, especialmente sobre qualquer ruído de ranger de dentes durante a noite.

O seu dentista vai te examinar, dando atenção aos músculos na mandíbula e àqueles ao redor dela. Ele também vai dar uma olhada nos seus dentes à procura de evidência de rangido dos dentes. Durante o exame, o seu dentista vai verificar a sensibilidade nos seus músculos e na articulação temporomandibular. Por fim, vai dar uma olhada em dentes fraturados, dentes faltando ou um alinhamento dental precário.

Um exame mais detalhado pode ser necessário se o seu dentista suspeitar que o seu bruxismo possa estar relacionado com problemas dentários (má oclusão). Além de verificar a sua mordida (como os seus dentes superiores e inferiores se unem quando a boca se fecha), o dentista vai examinar os seus dentes e a sua gengiva em busca de danos causados pelo bruxismo. O seu dentista pode querer tirar uma radiografia dos seus dentes e da sua mandíbula.

Cerca de 30% das crianças rangem ou apertam os dentes uns contra os outros. Essa porcentagem é maior em crianças com menos de 5 anos. Se o seu filho ou a sua filha range ou aperta os dentes, converse com o seu dentista a respeito. A maioria das crianças consegue superar o bruxismo e não sofre danos permanentes a seus dentes.

Tempo estimado
De todas as crianças entre 3 e 10 anos que têm bruxismo, mais da metade para quando chega aos 13.

Em adolescentes e adultos, o quanto de tempo que o bruxismo dura, depende da sua causa. Por exemplo, o bruxismo pode durar por vários anos se ele estiver relacionado a um fator de estresse que não vai embora. No entanto, se o bruxismo estiver sendo causado por um problema dental (oclusão), deve parar quando os dentes forem reparados e realinhados. Geralmente isso acontece depois de algumas visitas ao dentista.

Prevenção

Se o seu bruxismo estiver relacionado ao estresse, uma consultoria profissional pode ajudar. Você também pode tentar estratégias para se ajudar a relaxar. Cortar estimulantes como tabaco e cafeína pode ajudar.

Tanto em crianças quanto em adultos, os danos aos dentes relacionados ao bruxismo podem ser evitados. O método mais comum para tratamento de bruxismo é usar um aparelho miorrelaxantel (aparelho dental usado durante a noite para interromper o ranger dos dentes). Usá-lo também pode ajudar a aliviar a pressão nos músculos faciais e na articulação da mandíbula. Compressas quentes nos músculos do rosto podem ajudar a aliviar algumas dores musculares e a tensão causada pelo bruxismo.

Tratamento
O tratamento de bruxismo varia dependendo da sua causa:

Estresse – Se o seu bruxismo está relacionado ao estresse, o seu dentista ou médico pode recomendar um acompanhamento profissional, psicoterapia, exercícios de biofeedback ou outras estratégias para ajudar você a relaxar. O seu médico pode prescrever um remédio como diazepam (Valium) por um curto prazo, geralmente uma semana, podendo ser tomado à noite antes de ir para a cama. Também pode lhe dar uma receita com um relaxante muscular para aliviar temporariamente os espasmos na sua mandíbula. Pode ser que você esteja apto a usar um protetor bucal feito sob medida. Se tudo isso não ajudar, o seu dentista pode te encaminhar para um cirurgião-dentista ou para outro dentista com especialização em dores de cabeça e no pescoço.

Problemas dentários – Se o seu bruxismo tiver relação com problemas de dente, o seu dentista provavelmente vai corrigir o alinhamento dental. Em casos mais severos, o seu dentista pode precisar realizar restaurações ou coroas completas para remodelar inteiramente as superfícies de mordida dos seus dentes. Para o tratamento de bruxismo, o dentista pode fazer um protetor bucal sob medida que se encaixe na sua boca e nos seus dentes. Isso vai ajudar a prevenir mais danos a seus dentes. Em alguns casos, pode ajudar os seus dentes e os músculos a se realinharem.

Remédios – Se você desenvolveu bruxismo como um efeito colateral de um remédio antidepressivo, você tem algumas opções. O seu médico pode mudar a sua medicação ou dar a você um remédio para combater o bruxismo.

Quando recorrer a um profissional

Consulte um médico ou um dentista se você tiver sintomas de bruxismo ou se lhe disserem que você range os dentes durante o sono.

Ao perceber qualquer alteração nos dentes, como fraturas em restaurações ou amolecimento, consulte imediatamente seu dentista.

Prognóstico

Mesmo sem um tratamento especial, mais de metade das crianças com bruxismo para de ranger os dentes aos 13 anos de idade. Enquanto isso, o seu dentista pode providenciar a seu filho ou a sua filha um protetor bucal para prevenir o desgaste excessivo dos dentes. O aparelho é eficaz na maioria das crianças que o usam de acordo com as instruções.

Em adolescentes e adultos, a perspectiva é excelente se o bruxismo for tratado adequadamente.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

O bruxismo é um incômodo para você?

Caso você ache que está com bruxismo, converse com seu dentista. O bruxismo pode desgastar o esmalte, tornando os seus dentes sensíveis. Caso você sinta sensibilidade nos dentes, experimente um de nossos produtos criados especialmente para quem sofre desse desconforto.

Outros artigos