Odontopediatra: Um dentista para crianças

Odontopediatra explicando tratamento a criança

Assim como nas outras áreas da saúde, há dentistas que se especializam no tratamento de crianças. É por isso que um dentista de crianças — também conhecido como odontopediatra — é uma boa escolha para as necessidades de saúde bucal de seu filho.

Requisitos educacionais de um odontopediatra

A especialização em odontopediatria é uma pós graduação que dura pelo menos dois anos após a graduação na faculdade de odontologia. Ela consiste no aprofundamento de estudos científicos em combinação com experiência prática. As principais áreas de estudo incluem desenvolvimento e psicologia infantil, cuidado de pacientes com necessidades especiais, cuidados em trauma oral/facial, entre outros.

Além de um rigoroso programa de especialização, odontopediatras devem se manter atualizados.

Por que ir a um odontopediatra?

Odontopediatras executam procedimentos dentários que são semelhantes aos realizados por dentistas gerais. No entanto, devido à sua formação especializada, eles estão preparados para lidar com muitas situações delicadas de comportamento e tratar de bebês até crianças.

Crianças respondem às consultas odontológicas de forma diferente, e uma criança que não é acostumada com o dentista pode ficar ansiosa ou temerosa em ambientes desconhecidos. Quando uma criança ou uma pessoa com necessidades especiais precisam receber um tratamento dentário, algum tipo de sedação ou anestesia geral podem ser necessárias.

Orientação comportamental

O odontopediatra normalmente usa técnicas de orientação comportamental em pacientes para aliviar qualquer medo e ansiedade, e também em situações que possam ser dolorosas. Embora existam muitas abordagens comportamentais, um odontopediatra sempre levará em consideração as necessidades da criança e a maturidade emocional e intelectual dela.

Existem muitos métodos sugeridos pela Academia Americana de Odontologia Pediátrica (AAOP) que os dentistas usam para se comunicar de forma eficaz com crianças. No entanto, existem duas técnicas básicas usadas com todos os pacientes:

Reforço positivo: se utiliza de elogios ao paciente por bom comportamento, incentivando a colaboração da criança e bom comportamento durante o tratamento.

Falar-mostrar-fazer: consiste em explicar o tratamento para a criança de forma que ela entenda e, em seguida, mostrar-lhe de forma simplificada como o procedimento é realizado, antes de iniciar o tratamento.

Os dentistas também podem modificar o tom ou o volume de sua voz, direcionando-a para acalmar uma criança ou redirecionar sua atenção. Para construir a confiança e desmistificar uma consulta para uma criança, dentistas também podem recomendar que a criança assista outra criança sendo submetido a algum procedimento.

Dicas na ida ao consultório

Como pai, você quer o tratamento odontológico que seja melhor e mais agradável para seu filho. Portanto, é aconselhável que você faça perguntas antes de escolher o novo lar dental do seu filho.

Pergunte ao dentista se ele trata crianças e se tem formação especializada para trabalhar com crianças. Repare se consultório é atrativo para crianças: Um consultório que atenda muitas crianças geralmente será equipado com brinquedos, jogos e móveis adaptados para crianças, permitindo que elas brinquem para se acalmarem antes de uma consulta.

Para procurar um odontopediatra você pode encontrar uma lista de dentistas cadastrados em seu estado no website da Associação Brasileira de Odontopediatria. Onde quer que você leve seu filho para cuidar dos dentinhos, os profissionais que tenham a experiência que você deseja podem fomentar uma relação de confiança e uma atitude positiva com os cuidados de saúde bucal.

 

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

O que esperar durante a VISITA AO DENTISTA

Em sua primeira visita, o dentista vai verificar o histórico de saúde dental completo. Em visitas de acompanhamento, se o seu status de saúde for modificado, não se esqueça de contar ao seu dentista. A seguir, está o que você pode esperar durante a maioria das visitas ao dentista.

  • Limpeza minuciosa – O dentista vai raspar ao longo e abaixo da margem gengival para remover a placa bacteriana e o tártaro formado que pode causar doenças da gengiva, cárie, mau hálito e outros problemas. Em seguida, ele vai polir e utilizar o fio dental em seus dentes.

  • Exame dental completo – Seu dentista vai realizar um exame minucioso em seus dentes, gengiva e boca, observando sinais de doenças ou outros problemas.

  • Raios X – Raios X podem diagnosticar problemas de outra forma não observáveis, como danos as mandíbulas, dentes impactados, abscesso, cistos ou tumores e cárie entre os dentes.