O clareamento dental a laser é uma boa opção para você?

casal sentado na sala de estar e sorrindo

Quem não gostaria de ter dentes brancos? O clareamento dental tornou-se um dos primeiros pedidos que os pacientes fazem ao consultar o dentista. O clareamento é definido como qualquer processo que pode fazer os dentes parecerem mais brancos, e grande parte desse resultado é obtida por meio de um produto que causa uma alteração intrínseca do esmalte dos dentes, em vez da remoção de manchas superficiais.

O clareamento dental a laser é uma das opções disponíveis no consultório odontológico, mas esse tratamento não é adequado para todas as pessoas. A segurança e a eficácia do produto são fundamentais para um bom resultado com pouco ou nenhum efeito colateral.

Suas opções

O clareamento ou branqueamento dental é o procedimento mais econômico e menos invasivo que pode melhorar seu sorriso. Porém, de acordo com uma declaração da Associação Americana de Odontologia (ADA) sobre esse tratamento, ele não é isento de eventualidades. Recomenda-se que qualquer método seja supervisionado pelo dentista após o exame dentário para determinar a melhor opção de clareamento. A condição dos dentes e a causa da alteração da coloração serão fundamentais para isso. As opções incluem produtos que podem ser comprados pelo paciente ou fornecidos pelo dentista para uso em casa ou procedimentos realizados no consultório.

Procedimento a laser

O clareamento dental a laser é feito exclusivamente em um consultório odontológico e é o método de clareamento mais caro. O agente clareador é aplicado em cada dente e o calor gerado por um laser aumenta sua eficácia e, ao mesmo tempo, acelera o processo. Esse procedimento usa um gel clareador potente, ativado e intensificado pelo laser, proporcionando resultados rápidos e significativos. Segundo a ADA, o agente clareador usado é um gel à base de peróxido de hidrogênio, com níveis de concentração que variam de 25% a 40%. Por causa da alta concentração de peróxido, são tomadas precauções especiais para reduzir a sensibilidade dentinária e proteger os lábios, a gengiva e outros tecidos da cavidade bucal contra danos. Essas precauções incluem:

  • afastador para bochechas
  • lençol ou dique de borracha para cobrir a gengiva
  • creme dental dessensibilizante, que ajuda a fortalecer e endurecer o esmalte dos dentes, e
  • aplicação de fluoreto ou agente dessensibilizante similar por um profissional

Quais são as opções?

O clareamento dental pode ser feito com produtos de venda livre e procedimentos profissionais. Os produtos de venda livre estão disponíveis na farmácia ou supermercado local e sua porcentagem ou concentração de agentes clareadores é limitada. As aplicações profissionais podem ser para uso doméstico ou para tratamento em consultório. Os melhores resultados são obtidos com concentrações mais altas do agente clareador e também dependem do método de aplicação. Os produtos de clareamento ou branqueamento de venda livre estão disponíveis de várias formas, incluindo:

  • cremes dentais e enxaguantes bucais
  • gel usado em moldeiras para clareamento
  • fitas clareadoras
  • gomas de mascar branqueadoras
  • caneta clareadora dental

O que é preciso saber?

O clareamento dental a laser no consultório odontológico leva cerca de uma hora e o preço varia, mas costuma ser mais alto do que o de outros métodos. O preço depende do sistema específico do consultório, que determina quantos tratamentos serão necessários. Com frequência, várias sessões são necessárias para alcançar os resultados desejados e pode ser preciso usar moldeiras para clareamento caseiro para melhorar ou manter esses resultados. Nem todo mundo é candidato a esse tipo de procedimento e, antes que ele seja considerado, é preciso fazer uma avaliação dentária. Além disso, lembre-se de que qualquer tratamento de clareamento é um procedimento estético e não é coberto pelo seguro odontológico.

Embora tenha sido aprovado pela Food and Drug Administration, o uso do laser na odontologia ainda não tem o selo de aceitação da ADA para segurança e eficácia. A associação relata que está cautelosamente otimista sobre o papel da odontologia a laser no futuro de procedimentos odontológicos, incluindo o clareamento dental.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

Dicas para prevenir a descoloração do dente após o  CLAREAMENTO DENTAL

Depois de completar um tratamento de clareamento dental, existem algumas etapas a serem seguidas que podem manter o seu sorriso mais branco.

  • Evite alimentos e bebidas causadores de manchas – Café, chá, vinho, bebidas esportivas, doces duros, frutos silvestres e molho de tomate são todos os alimentos que podem causar descoloração dos dentes.

  • Utilize um canudo – Ao consumir bebidas utilize um canudo para manter corantes causadoras de manchas longe dos dentes.

  • Pare de fumar – Fumar tabaco pode fazer com que os dentes manchem. A eliminação do tabaco pode manter os dentes mais brancos.

Manchas, manchas, vão embora!

Livre-se de manchas para obter um sorriso mais brilhante! Use um de nossos produtos branqueadores para ter dentes mais brancos.