Alternativas ao enxerto gengival | Colgate®

Retração gengival: cirurgia de enxerto de tecido mole

A maioria das pessoas adora a ideia de exibir seu sorriso branco e radiante. Porém, para ter um sorriso perfeito é preciso mais do que dentes brancos ― ter a gengiva saudável também é importante. Se seus dentes parecem estar maiores, você pode estar sofrendo de retração gengival. Talvez você já tenha ouvido falar no enxerto gengival como uma solução para esse problema, mas existem várias alternativas ao enxerto a serem exploradas.

Gengiva retraída e enxerto gengival

Algumas das principais causas de retração gengival são doença periodontal, tabagismo, diabetes, genética e maus hábitos de higiene bucal. E mesmo com a melhor das intenções de manter a boca saudável, uma escovação excessivamente vigorosa ou uma escova de dentes com cerdas duras podem resultar em retração gengival.

A exposição da raiz dos dentes é um resultado comum da retração gengival, como informa a Academia Americana de Periodontia (AAP). O enxerto gengival é um procedimento cirúrgico que pode recobrir a raiz de um dente após a perda de tecido devido à retração da gengiva. Durante esse procedimento, o periodontista remove tecido do céu da boca e aplica sobre a raiz para recobrir a área exposta.

A enxertia pode ser feita em um ou vários dentes ou em toda a margem gengival, se necessário. Essa cirurgia pode reduzir a retração adicional e prevenir futuras perdas ósseas. Também é possível que a sensibilidade dentinária seja reduzida como resultado do procedimento.

No entanto, a recuperação de um enxerto gengival pode ser dolorosa e exige que você siga instruções específicas, como manter um curativo na área, ingerir alimentos pastosos e não enxaguar a boca. Se o enxerto gengival não for uma possibilidade que você está disposto a explorar, existem algumas alternativas que você pode tentar.

Regeneração

A retração gengival extensa pode resultar em perda óssea. A AAP observa que a regeneração é um procedimento cirúrgico no qual o tecido gengival existente é afastado para que um enxerto ósseo ou outro material regenerativo possa ser aplicado na área que sofreu perda óssea.

O objetivo é ajudar a regenerar o osso e o tecido antes do crescimento e da fixação de um novo tecido gengival na área. Provavelmente, você não precisará do procedimento de regeneração a menos que a doença periodontal avançada ou outros fatores tenham causado danos profundos na gengiva e no tecido ósseo.

Raspagem e alisamento radicular

A raspagem é uma parte da limpeza padrão que o higienista dental realiza em uma consulta regular de check-up. Para pacientes com doença periodontal, pode ser necessário um procedimento de raspagem e alisamento radicular, que se trata de uma limpeza mais profunda do que a tradicional.

A primeira etapa é a raspagem de toda a placa, bactérias e tártaro dos dentes e das superfícies radiculares. Em seguida, é feito o alisamento radicular, que é o procedimento de raspagem sob a gengiva para aplainar as áreas irregulares das superfícies radiculares. As superfícies lisas dos dentes impedem a regeneração da placa bacteriana, bactérias e tártaro abaixo da margem gengival. Isso permite que a gengiva cicatrize e volte a se fixar aos dentes.

Gengivoplastia

Outra opção é a gengivoplastia. Esse procedimento cirúrgico pode melhorar a saúde geral dos dentes e da gengiva e mudar o contorno do seu sorriso. Após administrar um anestésico local, o profissional usa um bisturi ou laser para remodelar a margem gengival, deixando-a mais uniforme. Após a remodelagem, o tecido gengival tende a permanecer mais saudável, pois o sulco entre os dentes e a gengiva torna-se menos profundo e mais fácil de limpar com a escovação. Uma gengiva mais limpa diminui as chances de desenvolver doença periodontal.

Não importa qual dessas alternativas ao enxerto gengival você acredita ser a mais adequada; converse com o dentista sobre todas as opções de prevenção e tratamento da retração gengival. Ele pode ajudar você a manter seu sorriso bonito e saudável.

Este artigo tem como objetivo informar e difundir o conhecimento sobre tópicos gerais de saúde bucal. Esse conteúdo não deve substituir a orientação, o diagnóstico nem o tratamento profissional. Sempre procure a orientação do seu dentista ou de outro especialista para quaisquer dúvidas que você possa ter com relação à sua condição médica ou ao seu tratamento.

ARTIGOS RELACIONADOS 

Formas de prevenção para GENGIVITE:

  • Escovar os dentes e passar o fio dental de forma adequada

  • Utilização de cremes dentais e enxaguante bucal com agentes antimicrobianos para eliminação de bactérias

  • Visitas regulares ao dentista para limpezas e exames

A forma simples de ajudar a prevenir a doença periodontal

A doença periodontal é causada quando a placa não é removida na escovação ou no uso do fio dental diariamente. Experimente uma de nossos cremes dentais feitao para reduzir novo crescimento de placa e ajudar a prevenir a ocorrência de doença periodontal.