Como manter os cuidados de saúde bucal no envelhecimento

Com cuidados dentais regulares e hábitos diários satisfatórios poderemos manter nossos dentes por toda a vida. À medida que envelhecemos, porém, mudanças naturais tanto na saúde bucal quanto corporal podem colocar a pessoa em risco. Assim, conhecer as vulnerabilidades do envelhecimento permitirá que as pessoas possam administrar efetivamente seus cuidados de saúde bucal e prevenir essas complicações dentárias.

Riscos para a cárie dental e cárie radicular

Os idosos sofrem frequentemente de boca seca em consequência das situações que exigem tratamento ou medicamentos com efeitos colaterais, incluindo o tratamento de câncer ou o uso de medicamentos cardiovasculares. Seja qual for o motivo da boca seca, a saliva ajuda a neutralizar as bactérias e ácidos que podem danificar os dentes com o tempo.

No caso de idosos com retração de gengiva, é importante saber que as superfícies expostas das raízes são mais moles que o esmalte dos dentes e, portanto, a cárie se desenvolve mais rapidamente. A cárie radicular pode atingir rapidamente a porção interna do dente e levar a infecção, ou causar a quebra da raiz, que pode ser completa em casos mais graves.

Provavelmente você tenha algumas restaurações que estejam precisando de substituição. A cárie pode começar facilmente por baixo de restaurações quebradas, lascadas ou com infiltração, de modo que é importante manter consultas regulares ao dentista, mesmo que não haja nenhuma dor.

Risco para a doença gengival

Se as bactérias não forem removidas da boca, elas podem levar à gengivite (inflamação da gengiva) e à doença mais grave que é a periodontite (perda das estruturas que suportam o dente). Os diabéticos, cujos níveis de açúcar no sangue podem torná-los mais propensos à infecção, estão também em risco mais alto da doença periodontal (da gengiva). Se uma pessoa já teve um ou dois dentes removidos com o passar dos anos, é preciso lembrar: a idade não é necessariamente um problema para a reposição. A falta dos dentes pode provocar a junção dos dentes ao redor e criar áreas na margem gengival nas quais ocorre o acúmulo de alimentos e bactérias, formando o local ideal para início da infecção gengival.

Cuidados para a saúde bucal

Consultas regulares ao dentista podem ajudá-lo a ficar um passo à frente dos problemas dentários em potencial. Procedimentos profissionais de limpeza são necessários para remover a placa e o tártaro dos dentes, os quais podem levar à doença periodontal. Em casa, é preciso escovar os dentes três vezes por dia com escova macia. Se a artrite limitar a habilidade de fazer isso, deve-se solicitar ao dentista informações sobre recursos que possam facilitar a escovação. Escovas interdentais e passafio dental também estão disponíveis para ajudar no uso do fio dental entre os dentes diariamente.

Considere o uso de produtos especializados para as situações nas quais o risco é maior. Os cremes dentais com flúor ajudam a reforçar o esmalte dos dentes também podem ajudar a prevenir a cárie radicular.

Outros bons hábitos

Os cuidados com a saúde bucal vão muito além da cadeira do dentista e o banheiro de sua casa. Você pode combater a boca seca mantendo seu corpo hidratado e fazer uso de produtos como saliva artificial e goma de mascar sem açúcar. Converse com seu dentista sobre quaisquer medicamentos que estiver ingerindo e que possam causar a boca seca.

Como o dentista já deve tê-lo aconselhado, consuma alimentos saudáveis com baixo teor de açúcar e ricos em fibras. Sugere-se que os adultos mais idosos precisem de 1.000 miligramas diários de cálcio do leite e derivados pobres em gordura para prevenir a osteoporose que pode afetar o osso ao redor dos dentes.

Finalmente, é preciso reduzir os riscos do câncer bucal. Uma vez que o câncer bucal é comum em idosos, eliminar o tabaco e o uso de bebidas alcoólicas, evitar a exposição ao sol, usar filtro solar e passar por um exame bucal em busca de sinais de câncer bucal podem ser boas ideias.

Mark Twain disse, certa vez: "A idade é uma questão de mente sobre matéria. Se você não se importa, não importa.” Mas à medida que envelhecemos, os bons cuidados com a saúde bucal realmente importam. Ao compreendermos os riscos dentários que surgem com o envelhecimento, poderemos, em conjunto com nossos dentistas, trabalhar juntos para prevenir os problemas de saúde bucal para podermos manter nossos dentes por toda a vida.

Ajude sua boca a envelhecer com elegância

Cuidar de sua boca ainda é essencial. Experimente um de nossos produtos para ajudar a manter os sorrisos saudáveis em qualquer idade.