Distúrbios da ATM podem causar dor facial em muitas pessoas

Mais de 15% dos adultos norte-americanos sofrem de dor facial crônica. Alguns sintomas comuns incluem dor no ouvido, sensibilidade na mandíbula ou maxila, estalos ao abrir a boca, ou mesmo dores de cabeça e dores no pescoço.

Uma causa comum destas dores são os problemas relacionados à ATM (articulação têmporo-mandibular), articulação dupla bilateral que, em conjunto com diversos músculos da mandíbula/maxila possibilitam a abertura e o fechamento da boca. Essas estruturas trabalham juntas quando mastigamos, falamos e engolimos.

As ATMs estão entre as mais complexas articulações do corpo. Localizadas uma em cada lado da cabeça, essas articulações trabalham em grupo e podem fazer muitos movimentos diferentes, incluindo uma combinação da ação de rotação e translação (deslizamento), usados na mastigação e fala.

Cada ATM possui um disco entre o côndilo da mandíbula e a fossa articular. O disco amortece a carga enquanto possibilita à mandíbula abrir amplamente e realizar movimentos. Qualquer problema que impeça esse complexo sistema de músculos, ligamentos, discos e ossos de trabalhar em conjunto de maneira adequada pode resultar em um distúrbio doloroso da ATM.

O cirurgião-dentista pode ajudar a identificar a fonte da dor com um exame clínico minucioso e raios-x apropriados. Alguns problemas de ATM resultam de artrite, deslocamento e lesões. Essas condições podem causar dor e disfunção. Os músculos que movimentam as articulações também estão sujeitos a lesões e doenças. Lesões na mandíbula/maxila, cabeça ou pescoço, e doenças como artrite podem resultar em alguns problemas de ATM.

Outros fatores importantes são os que se relacionam à maneira como os dentes se encaixam (oclusão dentária) podendo causar vários tipos de distúrbios da ATM. Acredita-se que o estresse seja também um fator. Os distúrbios de ATM afetam principalmente mulheres em idade reprodutiva.

Existem várias formas de tratamento dos distúrbios da ATM. Seu cirurgião-dentista recomendará o tipo de tratamento necessário para seu problema especificamente ou recomendará o encaminhamento para um especialista em DTM – disfunção têmporo-mandibular.

O tratamento envolve uma série de passos que podem incluir exercícios de redução do estresse, relaxantes musculares ou uso de um protetor bucal para evitar o ranger dos dentes. Esses passos foram bem sucedidos para muitas pessoas e seu dentista pode recomendar aquele que seja melhor para você.

© Associação Dental Americana. Todos os direitos reservados. Probida qualquer reprodução ou redistribuição sem permissão prévia por escrito da Associação Dental Americana.