Retração gengival também pode afetar bocas saudáveis

Você pode ter uma boca saudável e bons hábitos de higiene bucal e, ainda assim, sofrer de um problema chamado retração gengival.

O tecido gengival saudável forma um colar de proteção ao redor do dente. Quando o tecido gengival se retrai, expondo a raiz do dente, pode aparecer a sensibilidade.

A cárie cervical pode se desenvolver porque a superfície radicular é mais mole e mais suscetível à cárie do que o esmalte da coroa do dente.

Há dois tipos de gengiva na boca: gengiva inserida, o tecido rosa, mais espesso, que abraça o dente e é aderido firmemente ao tecido ósseo; e a mucosa – ou gengiva não inserida – tecido fino, macio e móvel que forma a parte interna dos lábios e bochechas.

A retração gengival ocorre quando o rebordo do tecido gengival (chamado de margem gengival) se afasta da coroa do dente.

Uma das principais causas da retração gengival é o mau posicionamento dentário. Um dente pode protruir, porque ele ficou apinhado, quando os dentes permanentes começaram a forçar a gengiva. Como resultado, um osso maxilar inadequado cobre a raiz do dente. O problema algumas vezes pode ser notado por volta dos 10 anos de idade.

A hereditariedade é um outro fator. A pessoa pode simplesmente ter o tecido gengival fino, frágil ou insuficiente. Outras causas da recessão incluem escovação agressiva ou excessiva, trauma aos tecidos gengivais e doença periodontal.

Quando uma retração de menor proporção é ignorada, o desenvolvimento da retração e perda óssea ao redor do dente é provável. Os métodos de tratamento variam de acordo com o tipo e gravidade da retração. Se for causada pela escovação excessiva ou agressiva, seu dentista pode orientá-lo sobre formas mais adequadas de higienização bucal.

Cirurgia de enxerto de tecidos moles (chamada de enxerto gengival) e outros procedimentos ajudam a criar mais gengiva inserida para prevenir a progressão da retração gengival e auxiliar na regeneração e restabelecimento a cobertura da raiz.

Se a retração for causada por doença periodontal, o primeiro passo normalmente envolve uma limpeza especial, chamada de raspagem e alisamento radicular. Para muitos pacientes, esse tratamento – associado a uma excelente higiene bucal em casa e avaliações regulares – pode ajudar a estabilizar o problema periodontal e prevenir futuras perdas gengivais.

© Associação Dental Americana. Todos os direitos reservados. Probida qualquer reprodução ou redistribuição sem permissão prévia por escrito da Associação Dental Americana.

A forma simples de ajudar a prevenir a doença periodontal

A doença periodontal é causada quando a placa não é removida na escovação ou no uso do fio dental diariamente. Experimente uma de nossos cremes dentais feitao para reduzir novo crescimento de placa e ajudar a prevenir a ocorrência de doença periodontal.