Dicas Colgate Tandy

Dicas Colgate Tandy

Tandy: Sabor de Infância

Alguns poucos produtos se tornam muito mais do que um item de consumo e se diferenciam dos milhares encontrados nas prateleiras dos supermercados ou das drogarias e adquirem um significado próprio, além do aspecto comercial. Um número ainda menor de marcas consegue a verdadeira proeza de se fixar na memória afetiva das pessoas e manter-se presente pela vida inteira.

Esse é o caso do Gel Dental Tandy. Hoje, é incontável o número de brasileiros na faixa dos 20 aos 30 anos que ainda se lembram vivamente da cor e do sabor das versões de Tandy com flúor ativo, que tantas cáries evitaram. Milhares e milhares de pessoas não se esqueceram também do cachorrinho do Tandy azul, com sabor de bubble gum, do esquilinho vermelho do sabor morango, do coelhinho rosa com gosto de tutti-frutti e, depois, da imagem do ratinho dentuço do Tandy roxo com sabor de uva.

Se alguém duvida, basta fazer uma pesquisa rápida na internet para logo descobrir vários blogs com posts de “nostálgicos do Tandy”, que rememoram tudo isso, afirmam que graças a esse gel dental não tiveram cáries, lembram perfeitamente os sabores e cores, contam histórias engraçadas a respeito do produto e afirmam que, hoje, compram Tandy para os filhos.

Isso é muito mais do que um produto pode desejar, principalmente quando se trata de um mercado delicado como o infantil, que requer extrema seriedade e cuidados muitos especiais. E Tandy vai além. A começar, pelo seu pioneirismo. Foi, nada mais, nada menos, o primeiro gel dental infantil lançado no Brasil. Até então não havia nenhuma distinção entre cremes dentais para adultos e crianças.

Inovou também nos sabores e nas embalagens atraentes, que estimulavam a criança a querer escovar os dentes, em vez de encarar essa prática como uma obrigação desagradável. De fato, não dá para calcular o número de cáries evitadas por aqueles sabores gostosos e pelos bichinhos simpáticos que, por trás de tanta simpatia, continham o mais importante de tudo: o flúor ativo como agente de proteção aos pequeninos dentes de seus consumidores.

Tudo isso aconteceu há 26 anos, em 1989, quando foram lançadas as duas primeiras versões de Tandy (Morango e Tutti-Frutti), em embalagens de 50 g, cada uma em uma cor, com o selo “Aprovado pela Associação Brasileira de Odontologia” e a informação de que o gel continha flúor ativo e tinha baixa abrasividade. Depois surgiu a versão Bubble Gum, sabor chiclete. Com o tempo as embalagens evoluíram, acompanhando as tendências de cada época, e surgiram, por exemplo, o Tandy UvaVentura e o Morangostoso, além de passatempos como Labirinto e Jogo dos 7 Erros.

O objetivo sempre foi estimular o prazer e os benefícios da escovação dos dentes, desde a infância. Hoje, pode-se afirmar que Tandy cumpriu essa missão com brilho e se tornou, incontestavelmente, um sabor da infância.

Não ingerir. Usar sob a supervisão de um adulto. Mais informações no verso da embalagem.